As obras aqui publicadas podem não ser inteiramente ficcionais, podendo corresponder ao comportamento ou opinião pessoal de seus autores. Qualquer semelhança com pessoas ou fatos reais será mera coincidência?

sábado, 25 de outubro de 2014

PORQUE A VEJA É ODIADA?




Uma das muitas razões pode ser esta...

É uma revista que mostra a corrupção e as maracutaias dos políticos, mas estranhamente, os petistas vivem sonhando em querer fechá-la, assim como fez o Hugo chaves na Venezuela e a Cristina Kirchner na Argentina, com a imprensa que não se vendeu. 


A revista Veja deu visibilidade a tanta corrupção nos primeiros anos do governo Dilma que esta se viu obrigada a demitir vários ministros indicados por Lula (em alguns casos ela foi pressionada e voltou atrás). 

Quando o PT era oposição, eles adoravam "Veja". Chegavam a colocar nos murais dos Sindicatos, recortes de artigos de "Veja" espancando FHC. Naquela época, até 2002/3 os tucanos também não gostavam da Veja. Eles eram grandes fãs do PHA (o blogueiro sujo), que atacava o Lula com todas as forças. Hoje virou capacho.

Quando a revista Veja foi fundada em 1968, em pleno regime militar, vem colecionando desafetos, especialmente dos governos de ocasião, possivelmente porque não tolera muito a corrupção e não se omite. 

Acontece que tem muito mais coisa ruim do que boa para se mostrar, daí essa ideia de parcialidade e, agora o PT é vidraça, e fornece muito material de divulgação. É motivo suficiente para o PT odiar "Veja"!!!! 

Acrescento abaixo um exemplo de denuncia cuja capa da edição 66 da revista Veja, de 10 de dezembro de 1969 é dedicada a um só tema: “Torturas”. 

"Era um destemido trabalho de investigação de vários meses de um equipe de oito repórteres chefiada por Raimundo Rodrigues Pereira, detalhando três casos de morte e arrolando outras 150 denúncias. A revista foi apreendida nas bancas." - disse Luiz Cláudio Cunha (Texto publicado originalmente no destemido jornal Já, editado por Elmar Bones em Porto Alegre), 


O importante é que a noticia conseguiu sair do braço longo da censura brasileira e ser publicada em Nova York, Paris e Londres, em três importantes jornais do mundo —The New York Times, Le Monde e The Times.






Fonte - http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/politica-cia/afinal-quem-mente-dilma-ou-os-generais/




PS: OS COMENTÁRIOS OFENSIVOS, SEJA CONTRA QUEM FOR, INCLUSIVE O AUTOR DO TEXTO, SOMENTE SERÃO PUBLICADOS NO CASO DE IDENTIFICAÇÃO DO AUTOR DO COMENTÁRIO, COM EMAIL, CPF, RG E ENDEREÇO, PARA QUE POSSA SE SUJEITAR ÀS CONSEQUENCIAS LEGAIS DO ATO PRATICADO E REPARAÇÃO DA VÍTIMA DA OFENSA. A INTERNET NÃO CONSISTE EM “TERRA SEM LEI”, LIVRE PARA A PRÁTICA DE OFENSAS E NA QUAL OS COVARDES SE ESCONDAM ATRÁS DO ANONIMATO, NÃO ASSUMINDO SEUS ATOS.

Nenhum comentário: